Escolha uma Página

Em Trancoso há uma diversidade enorme quando se fala em flora. No meio de tanta variedade, o Quadrado esconde árvores centenárias das mais lindas do Brasil.

No meio da tranquilidade das praias baianas, Trancoso guarda milhares de segredos há serem descobertos. Dentre eles, o Quadrado esconde no meio de restaurantes e pousadas, árvores que foram preservadas a mais de cem anos.

Jacarandá

Durante a primavera e o verão as redondezas do Quadrado passam por uma transformação em sua palheta de cores. Uma vez que a Jacarandá tem uma cor roxa vibrante, que hipnotiza qualquer um que passe por ela. A árvore faz parte da família Bignoniaceae.

árvores centenárias

Assim, a Jacarandá, que faz parte de tantas outras árvores centenárias da região, floresce no período onde se inicia os quentes dias de verão. Além da sua coloração que impressiona a quem vê, a árvore ainda possui um forte odor quando está em regiões subtropicais.

Tendo em média 15 metros de altura, o Jacarandá possui troncos retorcidos e tortuosos, com uma coloração castanho escuro. Também é considerada uma árvore boa para ser usada em arborizações urbanas, devido principalmente ao seu crescimento rápido e sua floração decorativa.

Uma curiosidade sobre a árvore é o boato de que diversos castelos da Itália foram construídos com o Jacarandá brasileiro. Na época, era comercializado do extremo-sul da Bahia sem valor agregado, e exportada do litoral do sudeste brasileiro.

Amendoeira

Nunca despercebida, a amendoeira (ou Prunus dulcis) é outra das árvores centenárias do Quadrado. A amendoeira, conhecida popularmente por seu fruto seco, a amêndoa, é uma árvore de folhas caducas da família Rosaceae.

árvores centenárias

A amendoeira é uma árvore muito utilizada no comércio cosmético e alimentício. As sementes, que são chamadas de amêndoas assim como o fruto seco, são usadas em uma variedade de produtos. Delas, são extraídos essências e óleos além de seu uso cosmético, também possuem propriedades medicinais.

Na culinária, a amêndoa também é muito usada na produção do licor amaretto e na produção de leite-de-amêndoa.

Além disso, a árvore gera um grande comércio em alguns países da Europa. Em Portugal, como resultado de uma produção de duas mil toneladas de amêndoa, os vendedores giram em torno de oito milhões de euros por ano. Já na Espanha, que é líder na produção, a produção de amêndoas colhe cerca de 220 mil toneladas por ano.

árvores centenárias

 

Jaqueira

A princípio a jaqueira, como é conhecida a Artocarpus heterophyllus, é a árvore tropical que da o famoso fruto conhecida como Jaca. Portanto, com cerca de vinte metros de altura em média, a jaqueira tem tronco robusto de 30 a 60 centímetros de diâmetro e folhas simples. O tronco é todo revestido por uma casca muito espessa.

Um fato interessante sobre a planta é que as flores, tanto masculinas quanto femininas ficam separadas em diferentes inflorescências, ou seja, é considerada uma planta cauliflora e monoica.

Seu fruto, a jaca, chega a pesar mais de 10 quilos em alguns casos, e ter um tamanho de até 40 centímetros. A jaca é envolta por uma camada grudenta, e é muito usada na culinária de diversas formas e em diferentes pratos.

árvores centenárias

De sabor doce e odor característico, a jaca é reconhecida a longa distância. Assim, a jaca tem duas variedades conhecidas popularmente por jaca-mole e jaca-dura.

O fruto é comumente consumido pelas várias regiões tropicais do mundo, sendo até alimento básico para algumas comunidades rurais. Dessa maneira, é consumida não somente in-natura, visto que também podem ser feito doces e geleias caseiras do fruto.

Enfim a árvore é considerada nativa da Ásia, tendo sua provável origem na Índia. Todavia, também se desenvolve espontaneamente em diversos países tropicais, como no Brasil.

E você, conhece algumas dessas incríveis árvores centenárias que fazem parte do Quadrado? Caso não conheça, uma visita a Trancoso seria o ideal para apreciar essas belezas naturais da Bahia.

Foto de Destaque de Bahia Homes.

Conheça o nosso conceito!

Facebook Comments

Precisa de ajuda? Fale conosco